02 julho, 2011

Saudade não é solidão.



A Solidão é mais sentir-se só
do que estar sozinho.
É o esforço vão (depois de rever fotografias)
em trazê-los de volta...
A solidão não é revolução,
ela só revolta.

A saudade que espicaça e tortura
Que humilha e paralisa.
A saudade que contrai o coração,
não é saudade. É Solidão!

A Solidão é uma escolha?
Digo que ela se impõe.
Ainda que a gente não convide,
a Solidão sempre vem...
Porque ninguém a resiste.
É o sinal que marca e que antolha
o elo da corrente que nos agriolha.

A Solidão é morrer
E continuar respirando...

2 comentários:

reflexão disse...

É muito bom ter saudades. Quando sentimos saudades significa que vivemos. E que queremos viver mais. A saudade faz parte do desenvolvimento do ser humano. Sentir saudade é fazer o próximo ser lembrado. Não deixar ninguém cair no esquecimento.

Nathy Costa disse...

http://paraneura.blogspot.com/, meu blog da uma olhada tb!
o seu é muito bom