01 maio, 2011

A volta do que não foi.


O PT não me surpreende. Sempre que alguém achar que os petistas já chegaram no limite da desfaçatez, acredite, eles estão sempre prontos para dar mais um passo.

O novo passo foi oficializado sexta-feira, dia 29 de abril, quando nada menos que 60 votos, ou 78% do Diretório Nacional aprovou o retorno às hostes do partido daquele que ficou conhecido como o Caixa do Mensalão; daquele que confessou em alto e bom som que, em 2002, arrecadou "dinheiro não-contabilizado" para a campanha de Lula a presidente.

O PT reabilitou o homem que operou junto com Marcos Valério e lideranças políticas vistosas, como José Dirceu, José Genoíno e João Paulo Cunha, a compra de apoio político no congresso.

O PT abraçou o homem que diante dos escândalos, mostrando a certeza de que conhece bem seus companheiros de partido e, infelizmente, também os brasileiros, declarou que o Mensalão em pouco tempo seria lembrado como piada de salão.

Esse homem que foi condenado pela Justiça de Goiás a devolver aos cofres públicos desse estado o dinheiro que recebeu por anos como professor de matemática sem ter entrado em sala de aula, esse homem, conhecido como Delúbio Soares, foi reabilitado pelto PT.

De minha parte digo que Delúbio Soares voltou sem nunca ter saído. Além do mais, seria injusto do ponto de vista petista, não aceitar mais um quando tantos envolvidos no escândalo do Mensalão, além de não terem sido expulsos do partido, como Delúbio fora, hoje estão mais fortes do que nunca.

A volta de Delúbio comprova a natureza do PT e dos petistas.

O silêncio das oposições diante disso, comprova que os 44 milhões de votos dados a José Serra estão sendo jogados no ralo.

A volta de Delúbio comprova, finalmente, que o PT continua apostando na tese de que moralidade, decência e decoro com a coisa pública não têm o menor valor para o povo brasileiro.

Para um petista, e para muitos eleitores do PT, a coerência é um peso que só os adversários do partido devem carregar.

Se você não vê nada demais nessa reabilitação. Se você afirma com convicção que o MENSALÃO nunca existiu, foi coisa da imprensa; você pode até não saber, mas no fundo, você já é PT.

Assistam a esses vídeos que atestam o papel de Delúbio no esquema.

Video 1
Vídeo 2
Vídeo 3


Um comentário:

reflexão disse...

Infelizmente o Brasil produz muitas coisas que faz vergonha para que busca uma vida melhor para a sociedade. Faz vergonha para quem tem vergonha. Faz vergonha para quem quer ver o melhor para todos. Roubos, furtos, homicídio, latrocínio, dolo, malícia, falcatrua, cambalacho, pilantragem, locupetrar, pedofilia, estrupo, falsidade, infidelidade etc. Poderíamos fazer uma grande lista. A volta deste personagem ao palco da política é no mínimo um desrespeito ao povo brasileiro. É uma grande vergonha ter que engolir isso. Seria muito bom se houvesse um pouco mais de ética e respeito no mundo político!