17 novembro, 2007

13a Conferência Nacional de Saúde ou como a esquerda adora tutelar a sociedade.

Você se acha bem representado por um parlamentar? É provável que muitos digam, com justa razão, que não. Todavia, a constituição confere aos parlamentares o direito de propor e votar leis como representantes legítimos da sociedade. Quer se goste ou não, eles foram eleitos para isso. Uma das razões para os deputados e senadores se moverem tão despudoradamente contra a opinião pública é que o brasileiro, de forma geral, revolta-se se o "curíntias" ou "framengo" ou qualquer outro timinho, cai para a segunda divisão. Aí cabe passeata, xingamento, vandalismo etc. Agora, se um político, para dizer o mínimo, vota contra o interesse do eleitor, aí vocês já sabem, né?

A 13a - petista até no número - conferência nacional de saúde reuniu em Brasília 4 mil delegados. Os sovietes da saúde. Não sei como se deu a eleição, mas desconfio que tenha sido nos moldes da eleição que o PT fazia - acho que não faz mais - para eleger delegados que votavam o decantado e mentiroso Orçamento Participativo, ou seja, uma eleição tão honesta quanto aquelas da República Velha. Em suma: quem legitimou esses 4 mil delegados, eleitos de forma suspeita, a se proclamarem porta-vozes da sociedade? Por que digo isso? Vejam essa notícia do Correio web

Os cerca de 4 mil delegados com direito a voto na plenária final da 13ª Conferência Nacional de Saúde decidirão no domingo (18) se recomendam o tratamento do aborto como questão de saúde pública a ser descriminalizada, conforme encaminhado por 10 estados da federação. Nas 10 plenárias prévias realizadas até esta sexta-feira (16) predominou o equilíbrio entre delegados favoráveis e contrários: seis encaminharam a decisão para a plenária final, três aprovaram a questão, com mais de 70% dos votos, e uma rejeitou a recomendação.

A decisão que vier a ser tomada não tem efeito legal, mas é tida como um importante indicativo da sociedade para o Congresso Nacional, onde tramitam vários projetos sobre o assunto, um deles há 16 anos. Para o presidente do Conselho Nacional de Saúde, Francisco Batista Júnior, em caso de aprovação da proposta, cabe ao governo federal promover o processo de regulamentação no Congresso Nacional.

Viram? Uma conferência cheia de petistas e de filo-petista atesta que a recomendação de uma conferência é um indicativo da sociedade. Muitos mais representativa que essa conferência são as Igrejas cristãs que, excetuando a IURD do bispo Macedo, que a rigor nem é cristã, todas são contrárias à legalização do aborto. O que me incomoda nos esquerdistas e nos petistas de forma geral, é essa idéia de tutelar a sociedade através de conferências, simpósios, fórums, essas idiotices que muito jovem estúpido participa achando que está contribuindo para um país e um mundo melhor.

Na mesma conferência, o site do Correio Braziliense destaca a divergência entre um médico obstetra, o Dr. José Antônio Romano e, não caiam da cadeira, um aluno de medicina, Vinícius Rangel. O Dr. é contra o aborto. O estudante, petista até a alma, a favor. Que conferência pode se pretender séria opondo um profissional a um estudante?

Assisti à conferência, mas só consegui me flagelar por 15 minutos. Uma mulher horrenda e com um discurso ainda mais dantesco, vociferava como uma insana dizendo que as mulheres morrem, sofrem, são humilhadas, isso e aquilo. O negócio tava tão ruim que nem as mulheres presentes à palestra deram bola para a bruxa.

Outro dado importante da notícia é que os delegados livram a cara do chefe, o presidente Lula. Segundo o Correio Web "...a princípio, o Executivo não pensa um elaborar um novo projeto: “O Congresso já vem debatendo. Não significa que a cada proposta importante aprovada na Conferência Nacional de Saúde o governo tenha que fazer um projeto. Acredito que os parlamentares saberão ouvir as reivindicações de um movimento democrático como esse”, afirmou Adson França, diretor do Departamento de Ações Programáticas Estratégicas do Ministério da Saúde. " Claro, claro. A proposta, polêmica por natureza, não deve partir do Planalto, que a apóia, mas não a defende de forma ostensiva.

A esquerda padece desse mal. Suas verdades são sempre universais. Quem se opõe a elas não passa de um reacionário safado, riquinho, conservador como diria Larissa ( veja comentários no post anterior).



5 comentários:

vinirangel disse...

Caro Costajr,

infelizmente demorei um pouco pra encontrar esse blog que tece comentarios tao infundados contra um espaço que, teoricamente, deveria ser democratico e, portanto, legitimo.
Acho que toda critica é bem vinda, principalmente no que se refere a 13ª Conferencia Nacional de Saude (CNS). Digo isso porque tenho muitas criticas a ela. Pode falar que houve manipilacao por parte das mesas, que havia muita gente que estava em Brasilia pra fazer turismo (vi muito isso), que nao houve discussao na plenaria final (inclussive fizemos um ato pro-debate) e que muitas outras coisas.
No entanto, nao posso adimitir ser insultado como petista. Nao sou petista e nunca serei de um partido que trai suas origens. Tambem nao posso escutar alguem falar que eu estava la pra corroborar com alguns absurdos do governo petista - como Fundacao Estatal de Direito Privado - que sera aprovado em breve na assembleia da BA (governo petista), uma vez que sou contra a transferencia da responsabilidade da saude pra qualquer fundacao, OS ou OSCIP.
Portanto, eu so lhe peço que retire do texto o meu nome ou entao faça uma errata para que seu texto na contenha inverdades sobre pessoas que voce nao conhece.

Costajr disse...

O Doutor Vinicius me repreende porque disse no meu post que ele era petista até a alma. Ele se diz insultado. Concordo com ele. É um insulto mesmo ser chamado de petista.

Fiquei tão estarrecido, segundo publicou o Correioweb, que o sr Vinicius tenha defendido o assassinato de fetos como uma política pública, que tamanha crueldade - pensei - só poderia vir de um petista nato. Ele pede que eu corrija a informação. Está Corrigida, doutor. O senhor não é petista! Mas... sei não... com essa defesa do aborto, bem que poderia ser.

vinirangel disse...

Caro Costajr,

agradeço a correção feita em relação ao meu partido, afinal não sou petista. contudo gostaria também de lhe dar uma triste informação... pasme eu não sou Doutor!!! e sim um esforçado estudante de medicina.

Gostaria de lhe fazer um questionamento acerca dos assassinatos de fetos que você cita na errata. O que você considera que seja vida? gostaria muito de saber, pois ate agora só escutei respostas infundadas.

Estou ansioso pela resposta!!!

Costajr disse...

Hum... ao menos você é interno? Você sabe né, interno é aquele quase médico,que é obrigado a "rodar", o termo é esse, não?, nas diversas especialidades, para só então, receber o diploma de médico e descobrir que esse diploma de pouco vale, até fazer uma residência médica e ser tratado como Zé Mané, pelos preceptores - sobretudo se você fizer Residência no HUB.

Ora, sr. Vinicius! Se minhas palavras são infundadas por que diabos o sr volta aqui? Por que o sr está ansioso pela resposta! Vixe! O sr tá de brincadeira? Esqueça de mim!

Antes de sr nascer, o sr foi um amontoado de células... eu também! Todos nós fomos! A Vida estava lá, naquelas células! O sr não concorda, tudo bem! É um direito seu.

Ainda bem que a Igreja, ao menos por enquanto, não caiu no discurso bocó de defender esse tal de direitos reprodutivos, que para mim é uma licença para matar.

Sou absolutamente contra o aborto. Só para o senhor ter uma idéia, sugiro procurar nos arquivos as datas entre 12 e 14 de maio de 2007. Há posts que deixam claro minha posição sobre o assunto.

Continue, como "esforçado estudante de medicina", na sua preocupação com a saúde da mulher. Defenda o aborto como medida eficaz contra gestações indesejadas. Repito: é seu direito. Faça um blog e escreva suas idéias pró-aborto. Esse blog vai bombar... de petistas!

vinirangel disse...

Eu adoro conversar com pessoas que tem id�ias contrarias, s� assim a gente pode abrir um pouco mais nossa cabe�a. Respeito a sua opni�o, mas vou deixar o �ltimo post a favor do aborto e quem sabe depois eu n�o fa�o um blog para ser visitados por "petista"?

A religi�o pode ajudar muito na compreens�o da vida, mas estamos em um estado laico e, por isso, temos que fazer nossas pol�ticas dissociadas de qualquer cren�a religiosa ou ser� que a Terra era o centro do universo at� a d�cada de 90? pelo menos a igreja cat�lica assim afirmava!

S� pra n�o ficar sem falar de aborto eu vou propor a voc� que comece uma campanha contra a insemina�o artificial, pois milhares de embri�es s�o "assassinados" simplismente porque a mulher ou o casal s� quer ter um filho! Vamos fazer uma campanha tamb�m contra a p�rula do dia seguinte, pois ela n�o impede a fecunda�o ou, se voc� preferir, n�o impede a forma�o do amontoado de c�lulas, mas o beb� vai ser "assassinado"!

Vamos fazer uma campanha contra o aborto, mas n�o podemos esquecer de proibir os outros "assassinatos" que ocorrem e todos ficam calados!!!

abra�o e at� outra oportunidade.

Vinicius de Faria Rangel