12 setembro, 2007

O primeiro covarde.

O primeiro covarde já apareceu. Engraçado, não me surpreende ele ser petista, menos ainda, ele ter sido Aloizio Marcadante (PT-SP). Segundo o blog do Josias, ele respondeu assim às perguntas do jornalista:

- Por isso se absteve?

Votei pela abstenção.

- Não acha que esse é o pior dos votos?

Não. Houve 40 votos favoráveis à anulação do processo. Outros 35 cassavam o mandato. Eu achava que as duas decisões eram precipitadas, por ausência de conclusão na investigação.


Segundo o blog do Reinaldo, muitos senadores acreditam que boa parte das abstenções tenham sido de petistas. Em tempo de abstenções decisivas, vou me abster de comentar a ação desse covarde.
PS: São 13:05, e acabo de saber que as outras abstenções foram de Sibá Machado (PT - AC), Ideli Salvati (PT - SC), Fátima Cleide (PT - RO) e João Pedro (PT - AM), que junto com Aloizio Mercadante, formaram a bancada da abstenção e da covardia. A bancada que ratificou a avacalhação no Poder Legislativo.
Quem diria que o PT teria como macular ainda mais a sua, já porca, reputação? Pois é, quando a gente pensa que um petista chegou no limite, ele sempre dá mais um passo.




6 comentários:

Ricardo Rayol disse...

covarde não, venal. disse a mesma coisa no blog da Saramar

Star disse...

Costajr, não sei o que mais me enoja, a absolvição do fantasma ou as comemorações pela "vitória".

Star disse...

Linkei teu blog, somos poucos e estamos em extinção, mas continuamos acreditando que esse país poderia ser um lugar digno, com um governo digno e um povo digno.

Cejunior disse...

Cara, só o pessoal de SP para achar que o Aloisio Mercadante é alguma coisa!
O sujeito sempre foi a maior enganação!!!! Não passa de uma versão arrumadinha da Maria da Conceição Tavares....

Blogildo disse...

Ficar em cima do muro (ou ser morno, como está no Apocalipse) é a marca do covarde!
Todo muro tem dono! Nesse caso, o muro é do PT.

Angel disse...

Eu também não sei dizer se senti mais decepção pela absolvição do Renan ou se pela COVARDIA do Mercadante. Nunca pensei que esse homem seria tão covarde e deplorável, minha única certeza daqui pra frente é que ele morreu para mim e minha familia, não queremos nem ouvir falar no nome dele.