17 junho, 2007

Vestibular UNB 4

O item 100 está correto! O item menciona a reforma urbana que marcou o governo de Rodrigues Alves (1902-1906). A Belle Époque impunha à capital federal uma cidade mais européia. Foi justamente com esse objetivo que o prefeito do Rio de Janeiro, Pereira Passos, iniciou as reformas na cidade, alargando avenidas e pondo abaixo os cortiços. Outro problema no Rio de Janeiro, era as doenças. A vacinação obrigatória, solicitada por Oswaldo Cruz, tinha como objetivo, imunizar uma população que vivia às voltas com a Febre Amarela. Essa vacinação, pelo caráter impositivo, gerou a Revolta da Vacina, em 1905, de causas bem mais complexas do que a simples obrigatoriedade da vacina.

O item 101 está correto! Algumas marcas da República Velha foi justamente o poder nas mãos das oligarquias, principalmente a mineira e a paulista. Além do mais, o coronelismo, oriundo da Política dos Governadores de Campos Sales e justificado pelo voto aberto, e as fraudes nas eleições, foram outras marcas da primeira fase da república no Brasil.

O item 102 está correto! Desde 1914 a República Velha apresentava fissuras em suas estruturas. Foi, contundo, na década de 20 que essas fissuras ficaram mais evidentes. O Tenentismo foi um desses movimentos de contestação ao arranjo oligárquico da República Velha. A Coluna Prestes se formou com o encontro dos movimentos tenentistas de São Paulo e Rio Grande do Sul. Essa coluna passou a percorrer o interior do Brasil fugindo das forças governistas e divulgado seu ideário tenentista, contestando a República Velha.

O item 103 está correto. As décadas de 20 e 30 conheceram os movimentos totalitários, como o nazismo, o fascismo e o stalinismo, que menosprezavam os valores liberais na política e na economia.

O item 104 está errado. O New Deal rompeu com o dogma liberal da não intervenção estatal na economia. Esse Programa foi adotado durante a Grande Depressão (1932 – 1940) e teve como paradigma um certo controle do mercado, tudo com o objetivo de minimizar os efeitos da crise oriunda do Crash de 29.

Meus alunos do colégio Santa Dorotéia, devem ter ficado satisfeitos com esses últimos itens. Fizemos uma avaliação recente abordando esses conteúdos.

O item 115 está correto, mas há uma ressalva a fazer. O item menciona que a Marselhesa foi o hino da Revolução Francesa de 1789. Essa data era dispensável. Acaso houve outra Revolução Francesa? Acrescente-Se a isso outro problema: essa data poderia confundir o aluno que soubesse que este hino foi composto por um prefeito e por um soldado em 1792, diante da guerra contra os reinos estrangeiros que queriam o fim da Revolução. O aluno que tem essa informação poderia inferir que a Marselhesa era cantada desde 1789, o que é um erro. No mais, o item está certo ao afirmar que este hino, como os demais, reforça valores patrióticos.

O item 118 está correto! A emenda das Diretas foi derrotada no congresso, mas a mobilização popular que chegou a reunir 1 milhão de pessoas em São Paulo e no Rio de Janeiro, deram provas que o Regime Militar no Brasil definhava de forma irreversível. Apesar de derrotada em 1985, com a Constituição de 1988, em plena abertura democrática, os brasileiros readquirem o direito de eleger o presidente do país.

O item 119 está correto! Eleito pelo colégio eleitoral contra Paulo Maluf, Tancredo, um pouco antes da posse, adoece e falece em 21 de abril de 1985. Assume o vice, José Sarney que comandará o processo de abertura política e presidirá as eleições de 1989 para presidente da república.

A REDAÇÃO

O tema da redação foi história na veia. No 1° ano do Ensino Médio ensinamos alguns conceitos de Teoria histórica, como por exemplo, as várias interpretações que um fato histórico pode ter. Com essa ferramenta, o aluno entenderia que a história vista da praia não seria a mesma história vista das caravelas. A UNB pede que o aluno produza um texto a partir do referencial da praia, logo, dos povos nativos da América, dos índios se vocês preferirem.

O texto poderia centrar o ENCONTRO desses dois mundos - no início pacífico e depois violento - Em seguida a CONQUISTA e o papel das doenças e das rivalidades entre os povos nativos, além da escravidão e da catequização; e por fim, a PERMANÊNCIA, mau grado o genocídio de muitos índios, da cultura indígena nos hábitos, na alimentação e até no vocabulário do Brasil.

Nenhum comentário: