04 junho, 2007

STN aparelhado, claro, pelo PT.

Uma fonte segura confirmou que o secretário do Tesouro Nacional, Tarcísio Godoy, deixará o cargo para um amigo pessoal do ministro Guido Mantega - nossa Tartaruga Ninja - um economista com nome de marca de eletrodoméstico e líder criollo: Arno Augustin. Quem é esse camarada? Arno, além de petista, foi secretário executivo adjunto, ou seja, um "aspone" do Ministério da Fazenda, quando o violador de sigilo, Antônio Palocci, dava as cartas na economia do país e as festas na mansão do Lago Sul.

A área técnica do Tesouro recebeu a notícia com pesar, havia torcida pela permanência de Godoy, que estava interino desde a saída de Carlos Kawall, no final do ano passado. Tarcísio que lutou com unhas e dentes para ser efetivado pela Tartaruga Ninja da economia, viu, nos últimos meses, suas chances se esvaírem quando Guido deixou claro que "em época de farinha pouca, meu pirão primeiro." O sonho de Mantega era dar esse cargo ao atual presidente do BNDES, Demian Fiocca, mas este preferiu viver no Rio de Janeiro a ter que se mudar para o Planalto Central. Sem opção e querendo se livrar do Godoy, Mantega foi buscar um petista puro sangue, gaúcho, que serviu ao governador Olívio Dutra como secretário da fazenda e que deixou as finanças do estado em sérios apuros. Godoy, magoado, escreveu um e-mail feito para "vazar", aos colaboradores direto, agradecendo o empenho de todos na Secretaria durante sua gestão e se despediu melancólico. Sem saída, Mantega antecipou o nome do novo secretário, o petista Arno.

Esta notícia tem três coisas relevantes: a) comprova o aparelhamento do PT nas esferas da adminisração pública; b) sugere que Antônio Palocci ainda exerce sobre o Ministério da Fazenda uma influência considerável, a ponto de um ex-auxiliar direto ser nomeado para um cargo tão importante como a secretaria do tesouro; c) Que Tarcísio Godoy não entende nada de PT e de petismo. Nesse partido, ou você é um deles, ou está fora.

O ministro não confirmou, mas todos na secretaria sabem que as razões para a saída de Tarcísio Godoy do STN foram ideológicas. Eis o PT em essência!

2 comentários:

Blogildo disse...

Quem adere ao PT não pode mais sair. Quer dizer, pode, mas tem de dançar de acordo com a música...

PATRICIA M. disse...

E depois o "homi" diz que quer mais tecnicos no governo. So se for tecnico em ladroagem, hahaha.