16 dezembro, 2006

R$24500,00! 90,7% DE AUMENTO! EIS O EMPREGO DOS SONHOS!


Estive ausente alguns dias. Vocês não imaginam o que é fazer uma mudança debaixo de chuva e com outros atropelos que não quero recordar. A notícia da semana foi o aumento que os parlamentares deram a si mesmos de presente de natal. ( Esse Papai Noel se chama Classe Média que sustenta esses parasitas). De várias partes vieram protestos, indignação, revolta e uma certa vontade de cometer uma loucura. Já se disse que o brasileiro é cordial, pacífico, ordeiro, essas bobagens. O brasileiro é, acima de tudo, um otário!

Que é uma provocação do Congresso não há dúvida! Eles, os parlamentares, estão passando da conta. A corda já está esticada e pode arrebentar! Ah os anos de 1780 na França... poucas lições se aprendem com a História! A política dos Bourbon na França levou o reino a uma bancarrota e ainda assim, nobres e alto clero, não queriam abrir mão de seus privilégios. Resultado: Revolução!

Ah Zé Paulo, você acha que por essas plagas o povo brasileiro, aquele que paga imposto para sustentar deputado corrupto e mau caráter, vai tomar a bastilha? Infelizmente não! Estou furioso e digo que às vezes a Lei, a Ordem, a Justiça, só beneficiam os crápulas, os cínicos, os bandidos!

5 comentários:

Comentador disse...

Olá!
Escrevi um post sobre esse assutno no meu blog. Agradeceria se pudesse dar uma passada por lá.
www.blogdocomentador.blogspot.com
Abraços

Anônimo disse...

Tem toda razão CostaJr, o povo está muito acomodado. E ainda mais com essas políticas assistencialistas, que deixam o pessoal meio que entorpecido.
Aí qualquer um mais esperto mete o mãozão já sabendo que só uma meia dúzia vai espernear.
Ô Brasil!!!!
Abraços

andre wernner disse...

Meu caro CostaJr.,
Que maravilha de comentário, hein?
Curto e grosso. Ou, melhor dizendo: na medida certa!
Gostei do otário. Não deixa de ser uma grande verdade.
Os benefícios esse ano às sanguessugas, mensaleiros e outros foi de doer. Cassação, zero. Você viu que até o José Janene do PTB empurrou com a barriga o ano inteiro para escapar da cassação e, ao apagar das luzes do Congresso, passaram um descarado ‘borrachão’ na ficha dele, e ficou limpinho, limpinho...
E com quatro milhões no bolso, né?
Abs

David disse...

Nada de novo sob o sol, Zé.
A História é uma sequência de ciclos...mas parece que este não tem fim!

Ricardo Rayol disse...

Não esqueça da blogagem coletiva do dia 20