30 julho, 2006

Palocci: "Meu problema é a economia"

O ex-ministro da fazenda Antônio Palocci revelou que está preparando um livro sobre o período em que comandou a pasta da fazenda no governo Lula, vem aí talvez um intrigante romance policial, com direito à várias máfias e mistérios dignos do Alfred Hitchcok, como por exemplo: Quem matou Celso Daniel? O que o ministro fazia na mansão do Lago Sul em Brasília? afccionados por filmes policiais e de mafiosos não podem deixar de comprar o livro de Palocci, ele sabe o que escreve.

O ex-ministro está se candidatando novamente à Câmara dos deputados. O principal objetivo do seu programa é conseguir o foro privilegiado que como deputado tem direito, assim seus crimes serão julgados no STF. 15 kg mais magros, falando de gripe aviária, (alguém mais lembra disso?) o ex-ministro confessou que seu maior problema é a economia, modesto esse Palocci, tá querendo elogio. O ministro certamente ficou com pejo de admitir que seu maior problema foi e será por um bom tempo o caseiro Nildo, o mesmo que a investigação da Polícia Federal concluiu que recebeu de forma legal 20 mil reais em sua conta corrente e que o coaf, aquele órgão subordinado a Palocci quando ele era minstro, exagerou quando fez a denúncia contra o caseiro. Ah se o coaf investigasse o Marcos Valério, mais acho que esse órgão só tem tempo de investigar caseiros; os banqueiros e trambiqueiros não devem se preocupar com o coaf.

Nenhum comentário: